Home » online » Quais as empresas do mercado Ad Tech que poderão tornar-se públicas em 2013!
Quais as empresas do mercado Ad Tech que poderão tornar-se públicas em 2013!

Quais as empresas do mercado Ad Tech que poderão tornar-se públicas em 2013!

Em post recente, a AdMonsters citou alguns gigantes do mercado Ad Tech atual que poderão abrir capital na bolsa de valores e tornarem-se públicas em 2013!

É isso mesmo, o nosso mercado está bem aquecido, muitas previsões positivas e muita grana prevista, isso está fazendo com que as empresas deste mercado comecem a pensar em ofertar suas empresas ao público. Um número grande de empresas já começou a ventilar sua vontade de seguir este caminho. Algumas delas são:

CriteoOs rumores são que a receita bruta da empresa no ano passado girou em torno dos U$500 milhões e com um crescimento global fortíssimo. Isso coloca a Criteo como um dos principais nomes para um IPO ainda neste quarter.

RubiconO CEO Frank Addante declarou recentemente que com a AdMeld sendo integrada ao Google e a Pubmatic mudando sua estratégia o mercado de SSP’s fica praticamente todo para a Rubicon. Rumores dizem que a Yahoo! tentou uma negociação com a Rubicon, sem sucesso, o que reforça ainda mais o possível IPO. A Rubicon pretende expandir seus negócios para todo o mundo em 2013 além de prometer entregar um tipo de serviço novo para o mercado de Publishers.

Adap.tvO mercado de vídeo está mais do que aquecido e a Adapt.tv está muito bem posicionada. Eles foram capazes de se posicionar como uma empresa de tecnologia para publicidade em vídeo, ao contrário da Tremor e BrightRoll, que são classificadas como redes de publicidade (o que é puramente categorização). Recentemente a empresa contratou Tim Morse (ex-Yahoo!) para o cargo de CFO, o que reforça ainda mais a hipótese de IPO.

Tremor/BrightRollAmbos líderes em publicidade em vídeo estão crescendo rapidamente, assim como o mercado de vídeo, porém, ao contrário da Adap.tv, as empresas precisarão de mais força para se tornarem públicas e chamarem atenção, porém ambas já comentaram que estão procurando investidores para destruir em 2013 e começar 2014 na Wall Street.

As notas foram escritas por Ari Paparo e fazem total sentido.

Empresas como Criteo já estão muito bem estabelecidas no mercado brasileiro, sendo líderes absolutas quando o assunto é retargeting… Agora, com a vinda da indiana Vizury e com grande investimento da Socialmantic talvez o mercado comece a se movimentar e procurar novas opções de tecnologia com um melhor custo x benefício.

A Rubicon começou a procurar representantes no Brasil e deve começar nas terras canarinhas neste ano, pois em 2012 a receita deles no Brasil foi péssima. Como não temos ninguém atuando expressivamente como SSP, e agora que a AdMeld foi-se embora, talvez seja o momento de eles inovarem e apresentarem algum produto que faça sentido para o mercado.

Tornar a empresa pública, deve, com certeza aquecer o mercado brasileiro, mesmo que indiretamente, uma vez que todos os grandes players deste mercado estão com os olhos virados para cá. Acredito muito que do Q2 para o Q3 teremos altas novidades aqui no Brasil, com novas empresas aparecendo para competir (de forma saudável) com as empresas já estabelecidas por aqui.

About Luis Felipe Grassitelli

Trabalhando com as plataformas de monetização do Google para os maiores veículos digitais da América Latina. Passou pela área de mídias digitais e plataformas na Rede Globo e foi coordenador de produtos de Ad Tech e especialista de mercado na Predicta.É Co-Fundador do Digitalking e louco por natureza. Empreendedor que joga poker, anda de skate, escreve, joga bola, lê e escuta muita música.

Leave a Reply